Please use this identifier to cite or link to this item: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/9503
Title: Conservação de volumosos : silagem de milho
Authors: FERNANDES, Caio Murilo
GIOLO, Rodrigo Lissoni
SILVA, Arisla Marques da
SILVA, Leandro Timóteo Bezerra da
ZANINI, Gabriel Mazi
metadata.dc.contributor.advisor: CONHALATO, Giane da Silva
metadata.dc.contributor.other: DELAVALE JÚNIOR, Valdemar
SOUZA, Valéria Encarnação de
metadata.dc.type: Monografia
Keywords: Milho;Silagem;Conservação de alimentos;Alimentação animal
Issue Date: 23-Nov-2011
Publisher: 037
Citation: FERNANDES, Caio Murilo; GIOLO, Rodrigo Lissoni; SILVA, Arisla Marques da; SILVA, Leandro Timóteo Bezerra da; ZANINI, Gabriel Mazi. Conservação de volumosos : silagem de milho. Trabalho de Conclusão de Curso (Curso de Ensino Médio Integrado ao Curso Técnico em Agropecuária) apresentado na Etec "Frei Arnaldo Maria de Itaporanga". Votupornaga/SP. 2011.
Abstract: RESUMO A conservação de volumosos para alimentação dos animais no período de escassez de alimentos fibrosos é uma técnica bastante realizada pelos produtos rurais. No entanto, o processo de fabricação de uma silagem é oneroso e às vezes mal realizado pelo produtor, comprometendo assim a qualidade final da silagem e aumentando o custo de produção com alimentação. O presente trabalho tem como objetivo comparar dois processos de fabricação de silagem de milho, um realizado na ETEC “FAMI” em que se empregou o inoculante na etapa final do processo e no Sítio Nossa Senhora de Fátima onde não foi utilizado o inoculante. Ambos os processos foram feitos da mesma forma, começando pela picagem, descarregamento, compactação e vedação. Depois de 90 dias do fechamento do silo foram retiradas amostras das duas silagens e enviadas ao laboratório de Nutrição Animal da Universidade Federal de Uberlândia para análises bromatalógicas e dosagem dos teores de MS, FB, PB e NDT. Apesar da silagem confeccionada na ETEC “FAMI” ter sido inoculada, os resultados das análises bromatológicas não permitiram verificar nenhuma melhora nos teores de PB e NDT da silagem. Os resultados de análises obtidos, também permitiram verificar que ambas as silagens foram bem confeccionadas, caracterizando que as etapas envolvidas no processo de produção da silagem foram bem realizadas, permitindo uma boa fermentação da silagem resultando em uma silagem de média a boa qualidade. Concluímos então que não é necessário o uso de inoculante para se obter uma silagem de qualidade desde que o processo de preparação da silagem seja realizado dentro das técnicas recomendada pela literatura.
URI: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/9503
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC -Silagem.doc31.74 MBMicrosoft WordView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.