Please use this identifier to cite or link to this item: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/7986
Title: Ocorrência de chuvas e secas em Jundiaí (SP): análise do período de 1942 a 2014
Authors: SILVA, Taiane Santos
metadata.dc.contributor.advisor: INNOCENTE, Érico Francisco
PEDRO JUNIOR, Mário José
metadata.dc.type: Monografia
Keywords: Precipitação;Pluviometria
Issue Date: 2015
Publisher: 114
Citation: SILVA, Taiane Santos. Ocorrência de chuvas e secas em Jundiaí (SP): análise do período de 1942 a 2014. 2015. Trabalho de conclusão de curso (Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental)- Faculdade de Tecnologia Deputado Ary Fossen, Jundiaí, 2015.
Abstract: O gradativo aumento das mudanças climáticas em todo o planeta é uma das grandes preocupações ambientais mundiais dos tempos atuais. Com base nessa importante questão ambiental e dentro deste contexto, o presente trabalho visa a análise climatológica da cidade de Jundiaí no estado de São Paulo, vindo de encontro para com a contribuição ambiental e social das precipitações pluviais e as dificuldades existentes na falta dela, já que a quantidade e a distribuição das chuvas definem o clima e a vegetação de uma região e dessa forma também o seu potencial produtor. Para a pesquisa e elaboração do conteúdo existente no presente trabalho foram realizadas duas principais atividades: em primeiro a revisão da literatura sobre precipitações, equipamentos de monitoramento de precipitação pluvial, a ocorrência de secas e as características gerais do local de estudo e em segundo a análise das séries históricas das precipitações pluviais obtidos no período de 1942 a 2014. O resultado dessa pesquisa deu origem a um material em que se indica a intensidade pluvial ocorrida no período em estudo. Com as series históricas de precipitação pluvial, foi possível verificar que no município de Jundiaí o ano mais chuvoso foi 1983 e o mais seco 1944. Desta forma este trabalho pode servir como base para estudos futuros que possam produzir estratégias para os órgãos responsáveis pela preservação, tratamento e distribuição de água potável, além disso, produtores do município poderão aumentar suas produções de forma muito mais assertiva, minimizando os possíveis impactos ambientais.
The gradual increase of climate change around the world is a major global environmental concerns of our times. Based on this important environmental issue and Within this context, this paper aims to climatological analysis of the city of Jundiaí in São Paulo, from meeting to environmental and social contribution of rainfall and the difficulties in its absence, since the amount and distribution of rainfall define the weather and the vegetation of a region and thus also the potential producer. For research and development of the content in this study were two main activities: First review of the literature on precipitation, the rainfall monitoring equipment, the occurrence of droughts and lawful general characteristics of the study site and according to the analysis of the rainfall time series obtained in the period 1942 to 2014. As a practical result this research has given rise to a material in which it is stated generally and easy to interpret the rainfall intensity occurred in these periods. With historical series of storm rainfall, it observed that in Jundiaí the wettest year was 1983 and the driest 1944. Being able to serve this way these work as the basis for future studies that could produce strategies for the bodies responsible for preservation, treatment and distribution of drinking water and municipal producers can thus increase their production much more assertive manner, minimizing the damage caused to the environment by production processes.
URI: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/7986
Appears in Collections:Trabalhos de conclusão de curso



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.