Please use this identifier to cite or link to this item: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/7665
Title: Agricultura orgânica: um modelo de economia sustentável para as famílias de baixa renda de Prudêncio e Moraes-SP
Authors: CORREA, Josiane Vitória da Silva
metadata.dc.contributor.advisor: FRACARO, Antonio Augusto
metadata.dc.contributor.other: CARVALHO, Marcos César de
TONIN, Gláucia Alvarez
metadata.dc.type: Monografia
Keywords: Agricultura orgânica;Sustentabilidade;Agricultura de subsistência
Issue Date: 6-Dec-2021
Publisher: 171
Citation: CORREA, J. V. Silva. Agricultura orgânica: um modelo de economia sustentável para as famílias de baixa renda de Prudêncio e Moraes-SP. 2021. Trabalho de Graduação (Tecnologia em Agronegócio) – Faculdade de Tecnologia Prof. José Camargo, Jales, 2021.
Abstract: A agricultura orgânica aumenta a qualidade dos alimentos, assegurando a saúde dos consumidores, além dos impactos negativos ao meio ambiente. Tem por finalidade apresentarem as vantagens que a agricultura orgânica dispõe para a sustentabilidade do planeta. Pretendem atrelar a prática do cultivo orgânico na elaboração de um plano de cultivo de subsistência para as famílias de baixa renda do Distrito de Prudêncio e Moraes, localizado no município de General Salgado. Iniciaram com uma revisão bibliográfica sobre os desafios com a agricultura orgânica, posteriormente abordaram as dificuldades com a mesma. Apresentaram os benefícios que o manejo com esse tipo de agricultura e os benefícios para a conservação e boa utilização dos recursos de forma contribua com a qualidade de vida dos moradores locais tanto na qualidade dos alimentos, como na economia. O trabalho resultou em um mapeamento potencial dos espaços ociosos dos lotes habitados e vagos da referida comunidade para a prática da agricultura orgânica. Por meio de uma descrição foi possível apontarem uma organização de rede de subsistência domiciliar, em que ambos moradores podem se beneficiarem e ao mesmo tempo praticarem o exercício da sustentabilidade econômica.
Organic agriculture increases the quality of food, ensuring the health of consumers, in addition to negative impacts on the environment. Its purpose is to present the advantages that organic agriculture has for the sustainability of the planet. They intend to link the practice of organic cultivation to the elaboration of a subsistence cultivation plan for low-income families in the District of Prudencio and Moraes, located in the municipality of General Salgado. They started with a bibliographical review on the challenges with organic agriculture, later on they addressed the difficulties with it. They presented the benefits that the management of this type of agriculture and the benefits for the conservation and good use of resources in a way that contributes to the quality of life of local residents, both in terms of food quality and in the economy. The work resulted in a potential mapping of the vacant spaces of the inhabited and vacant lots of the referred community for the practice of organic agriculture. Through a description, it was possible to point out an organization of a household subsistence network, in which both residents can benefit and at the same time practice the exercise of economic sustainability.
URI: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/7665
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.