Please use this identifier to cite or link to this item: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/6018
Title: Substituição das bandejas de poliestireno por bandejas biodegradáveis a partir do amigo de mandioca.
Other Titles: Replacement of polystyrene trays with biodegradable trays made from the cassava friend.
Authors: DUARTE, Gabrielly
BORGES, Leila
JOSÉ, Marcelo
NASCIMENTO, Rosineide
SANTOS, Vanea
metadata.dc.contributor.advisor: AGUIAR, Fábio Rizzo de
metadata.dc.type: Artigo científico
Keywords: Absorção;Amido;Bagaços;Mandioca;Polimeros biodegradaveis
Issue Date: 2017
Publisher: 238
Citation: DUARTE, Gabrielly; BORGES, Leila; JOSÉ, Marcelo; NASCIMENTO, Vanea. Substituição das bandejas de poliestireno por bandejas biodegradáveis a partir do amido de mandioca, 2017. Trabalho de conclusão de curso (Curso Técnico em Química) - Escola Técnica Estadual ETEC Irmã Agostina (Jardim Satélite - São Paulo), São Paulo, 2017.
Abstract: Existe um grande interesse em matérias-primas provenientes de recursos renováveis. Os materiais baseados em amido se destacam por este ser um biopolímero de baixo custo que está disponível em todo o mundo e este trabalho teve como objetivo o desenvolvimento de bandejas biodegradáveis obtidas a partir do amido disponível na fécula de mandioca comercial. Estão descritos os ensaios realizados em quatorze formulações diferentes, que permitiram a definição de um novo método para a obtenção desse tipo de material. As bandejas foram obtidas através do processo de formagem com adição plastificantes (glicerol, óleo de buriti e aloe vera) e agentes de reforço (celulose microcristalina e bagaço de cana-de-açúcar) a uma suspensão de amido em água. O estudo das formulações foi dividido em três etapas: na primeira etapa, foram estudadas as técnicas mais adequadas para desenvolver embalagens com propriedades mecânicas semelhantes as bandejas comerciais, feitas a partir do poliestireno expandido, na segunda etapa, foi estudada a influência de diferentes agentes plastificantes e de reforço sobre as propriedades mecânicas da embalagem e, na terceira etapa, foram realizados os testes de absorção de água. Com os resultados obtidos, foi possível definir a formulação que melhor atenderia aos objetivos propostos pelo projeto
There is great interest in raw materials from renewable resources. Starch based materials are outstanding because this is a low-cost biopolymer that is available worldwide and this work aimed at the development of biodegradable trays obtained from the starch available in commercial cassava starch. We describe the tests carried out in fourteen different formulations, which allowed the definition of a new method to obtain this type of material. The trays were obtained by adding plasticizers (glycerol, buriti oil and aloe vera) and reinforcing agents (microcrystalline cellulose and sugarcane bagasse) to a suspension of starch in water. The study of the formulations was divided in three stages: in the first stage, the most appropriate techniques to develop packages with mechanical properties similar to commercial trays, made from expanded polystyrene, were studied, in the second stage, the influence of different plasticizing agents and reinforcement on the mechanical properties of the package and, in the third step, water absorption tests were performed. With the results, it was possible to define the formulation that would best fullfil the objectives proposed by the project..
URI: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/6018
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BANDEJAS DE AMIDO.pdf
  Restricted Access
1.16 MBAdobe PDFView/Open Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.