Please use this identifier to cite or link to this item: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/5797
Title: Estudo da aplicação de técnicas de tingimento utilizando o extrato da asca do pinhão da Araucária augustifolia como corante natural em tecidos de algodão
Other Titles: Study of the application of dyeing techniques using the extract of the pine nuts from Araucária augustifolia as a natural dye in cotton fabrics
Authors: NINOMIYA, Amanda Sonada
PEREIRA, Ana Carolina Aquino
SILVA, Antony da
SILVA, Débora Martins da
SANTOS, Erick Natalino dos
NICOLETTI, Marcelo Miyazaki Almeida
metadata.dc.contributor.advisor: SANTOS, Thais Taciano dos
metadata.dc.type: Artigo científico
Keywords: Algodão;Compostos fenólicos;Corantes;Ecossistemas aquáticos;Espectrofotômetro;Plantas corantes;Poluição;Saúde pública
Issue Date: 2019
Publisher: 238
Citation: NINOMIYA, Amanda Sonada; PEREIRA, Ana Carolina Aquino; SILVA, Antony da; SILVA, Débora Martins da; SANTOS, Erick Natalino dos; NICOLETTI, Marcelo Miyazaki Almeida. Estudo da aplicação de técnicas de tingimento utilizando o extrato da asca do pinhão da Araucária augustifolia como corante natural em tecidos de algodão, 2019.Trabalho de conclusão de curso (Curso Técnico em Química) - Escola Técnica Estadual ETEC Irmã Agostina (Jardim Satélite - São Paulo), São Paulo, 2019.
Abstract: O pinhão é a parte comestível das sementes da Araucária angustifólia e sua casca possui uma forte coloração marrom avermelhada devido a presença dos compostos fenólicos, que podem apresentar propriedade cromófora. Assim, este fruto pode servir como fonte para um corante natural, se contrapondo ao uso dos corantes sintéticos que poluem os corpos d´água devido aos seus subprodutos apresentarem, em sua maioria, potencial carcinogênico e mutagênico, sendo este um problema ambiental e de saúde pública. Portanto, o objetivo do presente trabalho foi estudar a aplicação de técnicas de tingimento utilizando o extrato da casca do pinhão como corante natural em tecidos de algodão. Foram realizadas extrações dos compostos fenólicos em três lotes distintos por maceração hidroetanólica, seguida por quantificação em espectrofotômetro UV-vis, utilizando ácido gálico como padrão. Sucedeu-se com o tingimento para a avaliação das variáveis: pH, uso do Alúmen e método de tingimento por meio dos resultados obtidos em uma pesquisa organoléptica de avaliação da cor. Subsequente com os testes de estabilidade, sendo estes solidez à fricção, radiação UV e lavagem. Verificou-se diferença significativa dentre as concentrações de fenóis totais dos lotes; os resultados mais satisfatórios de tingimento foram obtidos sem a utilização do alúmen, em pH 11 e empregando a metodologia de tingimento a frio.
The pinion is the edible part of the Araucaria angustifolia seeds and its bark has a strong reddish brown color due to the presence of phenolic compounds, which may have chromophoric properties. Thus, this fruit can serve as a source for a natural dye, in contrast to the use of synthetic dyes that pollute water bodies due to their byproducts presented mostly carcinogenic and mutagenic potential, which is an environmental and health problem public. Therefore, the objective of the present work was to study the application of dyeing techniques using the pinyon bark extract as a natural dye in cotton fabrics. Extractions of the phenolic compounds were carried out in three different batches by hydroethanolic maceration, followed by quantification in a UV-vis spectrophotometer using gallic acid as standard. The dyeing was carried out to evaluate the variables: pH, Alum use and dyeing method through the results obtained in an organoleptic color evaluation study. Subsequent to the stability tests, these being friction fastness, UV radiation and washing. There was a significant difference between the total phenol concentrations of the lots; the most satisfactory dyeing results were obtained without the use of alum, at pH 11 and using the cold dyeing methodology.
URI: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/5797
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.