Please use this identifier to cite or link to this item: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/5659
Title: Estudo da viabilidade da substituição de parabenos por extrato de alho (Allium sativum) em formulação de creme hidratante
Authors: QUEIROZ, Audrey Beatriz Watanabe do Valle
SILVA, Giselle Arcanja da
SOUZA, Myllena da Cunha Martins de
SANTOS, Rafael Andrade de Menezes
SILVA, Stefany Soares
metadata.dc.contributor.advisor: SILVA, Marcia Freitas da
metadata.dc.type: Artigo científico
Keywords: Alho;Antioxidantes;Conservantes;Compostos orgânicos;Cosméticos;Hidratante
Issue Date: 20-Nov-2020
Publisher: 238
Citation: QUEIROZ, Audrey Beatriz Watanabe do Valle; SILVA, Giselle Arcanja da; SOUZA, Myllena da Cunha Martins de; SANTOS, Rafael Andrade de Menezes; SILVA, Stefany Soares. Estudo da viabilidade da substituição de parabenos por extrato de alho (Allium Sativum) em formulação de creme hidratante , 2020. Trabalho de Conclusão do Curso (Curso Técnico em Química) - Etec Irmã Agostina, São Paulo, 2020.
Abstract: Pesquisas revelam que parabenos - compostos orgânicos aromáticos utilizados amplamente na indústria farmacêutica e cosmética, como conservante antioxidante e antimicrobicida - são compostos carcinogênicos. Desta forma, estudos buscam o incentivo do uso de conservantes naturais, tais como o alho: uma matéria prima barata e de fácil acesso, muitas vezes descartado quando sobra nas prateleiras. Este artigo é um estudo da aplicação do extrato de alho (Allium sativum) como conservante e possível substituto de parabenos em cosméticos. A alicina é um composto orgânico presente no mesmo e é responsável por propriedades como antibacteriana, antifúngica e antioxidante. A presente revisão sistemática tem por objetivo aferir a possibilidade de substituir os parabenos utilizados em formulações de creme hidratante pelo extrato de alho. A revisão foi realizada a partir da literatura encontrada nos bancos de dados Google Scholar, Periódicos CAPES e SciELO, entre os anos de 2010 e 2020. Dentre os resultados da busca foram analisados 11 artigos, que evidenciam a funcionalidade do extrato de alho como um agente antimicrobiano, assim observando-se que existem alternativas atóxicas aos parabenos, produtos já com restrições em alguns países da Europa e América do Norte devido aos possíveis riscos causados à saúde.
ABSTRACT - Research shows that parabens - aromatic organic compounds used widely in the pharmaceutical and cosmetic industry, as an antioxidant and antimicrobial preservative - are carcinogenic compounds. Thus, studies seek to encourage the use of natural preservatives, such as garlic: a cheap and easily accessible raw material, often discarded when it is left on the shelves. This article is a study of the application of garlic extract (Allium sativum) as a preservative and possible substitute for parabens in cosmetics. Allicin is an organic compound present in it and is responsible for properties such as antibacterial, antifungal and antioxidant. This systematic review aims to assess the possibility of replacing the parabens used in hydrating cream formulations with garlic extract. The review was carried out from the literature found in the Google Scholar, Periodicals CAPES and SciELO databases, between the years 2010 and 2020. Among the search results, 11 articles were analyzed, showing the functionality of garlic extract as an agent antimicrobial, thus observing that there are non-toxic alternatives to parabens, products already restricted in some countries in Europe and North America due to the possible health risks.
URI: http://ric.cps.sp.gov.br/handle/123456789/5659
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ETIM - G5 - Substituição de parabenos por extrato de alho.pdf
  Restricted Access
291.64 kBAdobe PDFView/Open Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.